18 de out de 2010

Torta Royalle

Embora ainda seja outubro, eu já tenho pensado em algumas coisas para o natal. Aproveitei para testar uma receita da minha madrinha Amélia - cozinheira de mão cheia! Durante muitos anos eu comi a sua Torta Royalle nas viradas de anos....nesse ano resolvi, eu fazer a receita para o natal.
Bom, o resultado final foi bom...mas eu tive alguns "acidentes de percurso"....rs...perdi um disco de torta inteiro. Acabou que adaptei e usei apenas um disco, virando uma 1/2 torta...rsrsrs....faz parte né....testei massa em forminhas menores, e ramequins- deram certo.
Torta Royalle:

8 ovos grandes
1 copo (tipo requeijão) de açúcar peneirado
150g de amêndoas trituradas (ou 75g de amêndoas +75g de castanha do pará)
250g de frutas cristalizadas passadas na farinha de trigo (coloque as frutas com um pouco farinha dentro de um saco de sacuda bem)
1 colher de café de essência de amêndoa
1 colher de sopa rasa de fermento em pó
Recheio/cobertura
2 latas de creme de leite sem soro
500g de chocolate meio amargo
1 cálice de vinho do porto (ou licor à sua escolha)
Bata os ovos, e aos poucos vá juntando o açúcar até formar uma massa leve e esbranquiçada. Adicione as frutas cristalizadas (já passadas na farinha) e depois as amêndoas, misture com uma espátula. Acrescente o fermento e misture bem. Coloque a massa em duas assadeiras iguais de 28cm (untada e com papel manteiga) - encha até a metade- e asse em forno preaquecido 180C por 10 minutos (esses 10 minutos veio da receita da minha madrinha...para mim...foi uns 30 minutos.....) Uma das formas ainda não tinha cozido totalmente no meio e quando virei....paaafff....meleca....estressei...xinguei...tentei recuperar...mas no fim...não deu certo....tudo bem...salvei as outras formas......passou...rs) * na hora parece que a massa não deu certo...tipo..parece um grande omelete com frutinhas...mas depois de bem assada a massa fica bem gostosa e NÃO fica com gosto de ovo.
Para a cobertura, usei o microondas. Misturei o chocolate e o creme de leite, levei ao micro até derreter (eu faço de 25 a 25 segundos porque tenho medo de queimar...rs...tiro, mexo e volto a aquecer até que esteja pronto.) Depois e pronto, juntei o vinho do porto e misturei tudo muito bem.
Montagem:
Disco de torta + recheio de chocolate + Outro disco de torta (no meu caso foi um dobrado...hahaha) e cobertura de chocolate

Usei como recheio, em uma das mini tortinhas, geléia de cupuaçu. Vai do gosto!
Na decoração eu só usei cerejas em calda, mas a criatividade pode ir longe. Minha madrinha fazia sua decoração com fios de ovos, amêndoas laminadas, cerejas....
Pode usar lascas de chocolate também!

Eu particularmente adorei! O Ti achou a massa um pouco "pesada" ......mas gosto é uma coisa muito pessoal né! rs

Uma ótima semana para todos
Bjs Fe

9 comentários:

  1. Nham, nham, nhammmmmm! Lindo! E deve ter ficado uma delícia mesmo!

    Fê, eu tô super feia com a minha fisioterapia...nem peguei as radiografias com o médico. Briga comigo não, tá?

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Mesmo pela metada sua torta ficou linda!!! Bjs

    http://quitutesdajuju.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Que torta linda Fê, também adoro essa coisa de receita tradicional para o Natal, e apenas no Natal, tem uma magia nisso tudo né?! Eu por exemplo me sinto perto da minha infância quando decido preparar receitas que foram da minha bisavó, é nostálgico!
    Beijos,
    Fabi

    ResponderExcluir
  4. Nossa apesar de todos os percalços, a torta ficou linda e deve ter ficado tudo de bom!!!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oi Fernanda!!
    Adorei seu cantinho! muitas coisas deliciosas! assim que puder passa lá no meu pra conhecer!

    www.quasecheff.blogspot.com

    Angela

    ResponderExcluir
  6. Oi Stef!! sem stress....rsrs...fique à vontade pra ligar quando quiser..rs
    Bjao

    ResponderExcluir
  7. Nossa Fabi, nem me fale! Natal pra mim é a melhor época do ano!! Receitas tradicionais de família fazem parte do conjunto da obra né!!! rs
    Não se esqueça de passar as delícias da sua bisa ok!!rs
    Bjao

    ResponderExcluir
  8. Olá, Fernanda! Ótima idéia, sou celíaca e ao invés de passar no trigo vou passar no amido para não me empipocar. Amo este tipo de bolo para o Natal. Parabéns pelo seu cantinho. Bjs

    ResponderExcluir