28 de dez de 2012

Torta super super delícia de noz pecã


Olá pessoas!
Como foi o natal de vocês? Aqui foi ótimo!
Esse fim de ano está mega corrido. Estou só o pó da rabiola, mas feliz da vida por conseguir fazer tudo que planejei! Estamos matando a saudade da família e dos amigos que não vemos a muito tempo - e também babando horrores na nossa sobrinha liiinda! Esse "pequeno ser" que veio ao mundo para deixar a família toda mais feliz. BB mais linda da tia Fê ! rsrsrs - tia coruja no último!

Bom...indo ao que interessa....
Uma amiga querida passou seu primeiro "Thanksgiving" na casa de uma amiga americana e comeu essa torta. Quando ela me contou a delícia que era, já pedi a receita para fazer para o natal. E quando ela me mandou a receita, suas palavras foram " É tão boa, que deveria ser proibida.. ;)" - e é verdade!

Gente a torta é boa mesmo! Eu ameeeiii! Todos gostaram muuuito também!! O sucesso é garantido! Anota aí que dá pra fazer para o ano novo ;) :

Torta de Noz Pecã
Ingredientes:

Massa:
100g de manteiga bem gelada
1 1/4 xícaras (chá) de farinha de trigo
1 colher (café) de sal
1 colher (sopa) de açúcar
3 colheres (sopa) de água super gelada (ou um tiquinho a mais, se necessário)

Recheio:
3 ovos
1/4 xícara (chá) de açúcar comum
1/4 xícara (chá) de açúcar mascavo
4 colheres (sopa) de manteiga derretida
350g de glucose de milho (Karo)
1 xícara de chá de pecãs picadas grosseiramente
1/4 de colher de chá de sal
Essência (ou extrato) de baunilha a gosto
1 xícara (chá) de pecãs inteiras para decorar

Modo de fazer:
Massa:

Corte a manteiga em cubinhos e deixe no freezer enquanto separa o restante dos ingredientes.

Coloque no processador a farinha, o sal e o açúcar e misture. Acrescente a manteiga, tampe e pulse em intervalos curtos, umas 4 vezes, até a mistura parecer uma farofa grossa (não tem problema se ficarem alguns pedaços maiores de manteiga).

Com o processador funcionando na velocidade mais baixa, vá adicionando a água gelada pela abertura da tampa até a massa “juntar”, mas sem ficar grudenta nem úmida. Não processe por mais de 30 segundos.

Embrulhe a massa em plástico, apertando para juntar as migalhas soltas e formando um disco, sem, entretanto, trabalhar a massa. Guarde na geladeira por pelo menos 1 hora, ou até 2 dias.

Depois desse descanso, abra a massa com um rolo até ficar com aproximadamente 0,5 cm de espessura.

Forre um refratário ou forma para torta de 20 cm, cortando as beiradas da massa. Fure o fundo com um garfo e coloque no freezer enquanto preaquece o forno a 210°C por uns 15 minutos.

Recheio:

Bata os ovos levemente e depois acrescente os demais ingredientes, misturando bem.

Coloque o refratário sobre uma assadeira e despeje o recheio sobre a massa. Leve ao forno e asse por 15 minutos.

Diminua o forno para 180 graus e asse por mais 25 a 30 minutos, até a massa dourar e o recheio inchar, dourar e não balançar mais.

Retire do forno e decore com as pecãs inteiras.

Sirva morna com sorvete de creme.

Moçada...um grande beijo para todos vocês! Nos vemos ano que vem!

16 de dez de 2012

De comer e enfeitar

Ano passado, fiz essas bolachinhas para amigas - lembrança de fim de ano! A ideia é bem conhecida, mas eu acho uma graça! Você pode usar qualquer receita de biscoito que goste! Daí é só fazer um furinho no alto antes de assar e decorar depois de pronto! Embalei um a um e coloquei uma fitinha branca para pendurar na árvore (ou num galho)!




Entregues numa marmita!


Dessa vez eu deixo vocês com Jive Bunny - Lover´s Mix:

14 de dez de 2012

Bacalhau crocante


Eu não sou a maior fã de bacalhau do mundo (aquele salgado que todo mundo conhece)! Se só tem ele eu como, mas não é minha primeira opção. Entretanto....o bacalhau fresco - que não acho com muita facilidade - tem um sabor diferente e bem mais gostoso! Esse sim eu adoro!
Eu ganhei uma peça de bacalhau da minha mãe e logo fui preparar. Recorri a ideia que tinha visto no programa do Jamie Oliver (refeições em 30 minutos) e assei meu peixe com uma crosta temperada maravilhosa!
Eu e o Ti gostamos tanto que já fizemos 4 vezes essa receita! É realmente muito gostosa! Vá em busca do seu bacalhau e aproveite para fazer agora esse fim de ano! ;)

Bacalhau crocante
Ingredientes:

1/2 colher de chá de sementes de erva-doce
1 filé de bacalhau fresco (usei um de aproximadamente 400g) com pele, sem escamas e sem espeinhos
100g de pão francês
2 dentes de alho
1 pimenta vermelha (quando não tenho fresca, uso seca)
2 ramos de tomilho fresco
1 ramos de alecrim fresco
azeite e sal a gosto

Preparo
Coloque um pouco de azeite numa assadeira e coloque o filé de bacalhau com a pele para baixo. regue mais um pouco de azeite e tempere com um pouco de sal.

Leve ao forno alto e deixe por uns 10 minutos. Enquanto isso, prepare a cobertura.

Pique o pão grosseiramente e coloque no processador de alimento junto com as sementes de erva-doce; o alho; a pimenta; o tomilho; o alecrim e um pouquinho de sal (bem pouquinho). Pulse algumas vezes até formar uma farofa.

Retire o peixe do forno e coloque essa farofa sobre ele. Regue mais um pouco de azeite e volte para o forno. Deixe por mais uns 10 ou 15 minutos (ou até ficar dourado e crocante).

Tá pronto!
Comi meu bacalhau com salada e batatas! Uma delícia!

E para aqueles que estavam sentindo falta da música! Adoro essa! :D

Bom fds para tds! Beijos Fê.

2 de dez de 2012

Momento terapêutico....

A necessidade de fugir da rotina, ficar livre dos problemas, fazer um trabalho manual e jogar conversa fora, uniu eu e Carol, minha amiga querida, numa tarde maravilhosa com pasta americana!

Confesso que para nós duas, ela sempre foi meio intimidadora - a pasta ;)
Mas resolvemos nos libertar e nos entregar as nossas habilidades manuais numa tarde sem compromisso. Carol trouxe váááárias revistas! Tipo... vááááárias revistas! #momento "Adorável Psicose" ...rsrs

E foi assim que fizemos nossos bolinhos decorados! Fala sério... pra uma primeira vez até que ficou bacana hein!?!


Gente, mexer com pasta americana é super terapêutico... vale tirar uma tarde vazia e se entregar na "massinha de modelar"! hahaha

Beijos Fe.